Tratamento para Maconha

Tratamento para Maconha no Rio de Janeiro 24h

Tratamento para dependentes de Maconha com internação imediata.

Aqui no nosso Centro de Tratamento seu familiar conta com uma equipe especializada para um acolhimento humanizado, desintoxicação em ambiente seguro, um programa educativo sobre os males provocados pelo uso da maconha, treinamento de habilidades emocionais e sociais, um programa de prevenção à recaída, manutenção da abstinência e orientação familiar efetiva.

Venha conhecer nossa Instituição.

Centro de Tratamento Reviva – Um lugar de Amor e desenvolvimento pessoal.

O Tratamento para o usuário de Maconha no CT Reviva.

A maconha é a droga ilícita mais utilizada na maioria dos países e dependendo da dose pode levar alguns dependentes químicos a desenvolver sintomas psiquiátricos sérios e alterações mentais irreversíveis. A dependência da maconha como de outras drogas é uma doença crônica e o tratamento é possível, motivando o dependente químico a um processo de abstinência e mudanças de hábitos. Segundo o CID 10 (Código Internacional de Doenças) – A Síndrome de Dependência Química é uma doença física e mental; é crônica e de terminação fatal. Tem como principal característica, a obsessão mental, seguida pelo uso compulsivo de determinada droga ou drogas. E no caso de usuários crônicos de maconha isso não é diferente.

Os efeitos físicos, mentais e sociais da maconha são foram muito banalizados durante muitos anos, mas atualmente isso não é mais uma verdade. Apesar de toda a polêmica relacionada com a maconha e seus usuários, não há mais espaço para a negação dos males provocados por essa droga. A maconha é considerada uma droga perturbadora do SNC (Sistema Nervoso Central) provocando confusão mental, medo, ideias ou pensamentos irreais.

A maconha e seus efeitos no Sistema Respiratório

A maconha fumada libera componentes semelhantes ao tabaco, porém com mais substâncias cancerígenas. O dependente químico de maconha, ou usuário crônico dessa droga tem grande propensão a desenvolver alterações inflamatórias no trato respiratório, como bronquite crônica, dispneia e produção de catarro infectado. Muitos desses usuários crônicos de maconha irão desenvolver doença pulmonar obstrutiva grave ou câncer do pulmão, apesar de ainda não termos estudos conclusivos sobre os casos.

Efeitos do consumo crônico de maconha sobre a cognição

É um fato, apesar de toda controvérsia em relação ao uso de maconha na sociedade; a memória e a atenção são muito afetadas pelo uso crônico de maconha. Diminuição da coordenação motora, alteração da memória e concentração, alteração da capacidade visual e alteração do pensamento abstrato são algumas dos problemas relacionados com o uso abusivo de maconha.

Além disso os usuários crônicos de maconha têm sintomas sérios e complicações psiquiátricas como depressão e ansiedade, além de desenvolverem sintomas psicóticos pós uso, como ataques de pânico, confusão mental, alucinações visuais, delírios, amnésia, desorientação, despersonalização e sintomas paranoides. Tais sintomas são raros, mas podem aparecer com mais facilidade em usuários de maconha com histórico psiquiátrico familiar ou que já apresentem comorbidades ou uma predisposição para o desenvolvimento de doenças mentais, já que o uso de maconha colocará uma lupa sobre os sintomas ou acelerará o processo do aparecimento da doença.